Afogamento: causas, consequências e curiosidades

Após um afogamento, é fundamental chamar serviço capacitado para realizar a prestação de socorro

Afogamento

O afogamento é um evento em que uma pessoa tem a respiração dificultada ou interrompida devido à submersão em um ambiente aquático.

Principais Causas

Existem diversas causas que podem levar ao afogamento. Entre as principais estão:

  • Falta de habilidade na natação;
  • Descuido ou falta de supervisão em piscinas ou praias;
  • Consumo de álcool ou drogas antes de entrar na água;
  • Ignorar os sinais de alerta e perigos do local;
  • Crises convulsivas ou problemas de saúde que levem à perda de consciência.

Funcionamento do Corpo Após a Submersão

Quando ocorre o afogamento, o corpo passa por uma série de mudanças fisiológicas. Inicialmente, ocorre o reflexo de mergulho, que consiste na apneia e na contração dos músculos. Em seguida, o organismo entra em um estado de luta contra a falta de oxigênio, provocando uma aceleração dos batimentos cardíacos e uma maior demanda de oxigênio pelos tecidos.

- Publicidade -

Se a submersão persistir e a pessoa não conseguir respirar, ocorre a incapacidade de manter a cabeça fora da água, levando à aspiração de água para os pulmões. Isso pode levar à falta de oxigenação adequada do corpo e, em casos mais graves, à parada cardiorrespiratória.

É imprescindível tomar precauções ao praticar atividades aquáticas e estar atento aos sinais de afogamento. Para mais informações, acesse gazetadobairro.com.br.

Acompanhe mais Notícias de Curitiba, Notícias do seu bairro e Curiosidades aqui na gazetadobairro

Fonte: Brasil Escola

Compartilhe este artigo
adbanner