Em “Falando o mais rápido que posso”, ela conta histórias da vida e da carreira, além de detalhes dos bastidores da famosa série

Os fãs de Lorelai e Rory Gilmore estão ansiosos há meses, desde que foi anunciada a produção de “Gilmore girls: um ano para recordar”, minitemporada que revisita a vida dos personagens da famosa série, nove anos depois de seu fim. Os episódios estarão disponíveis na Netflix a partir de 25 de novembro e a Record lança, também no fim de novembro, o livro “Falando o mais rápido que posso”, nova empreitada da atriz Lauren Graham na literatura.

No livro, ela faz uma retrospectiva de sua vida e compartilha histórias engraçadas sobre amadurecimento e o início da carreira de atriz. Ela fala ainda sobre os desafios e as cobranças de ser uma mulher solteira em Hollywood (hoje ela é casada com o ator Peter Krause), e conta casos divertidos que enfrentou ao longo da carreira, como a vez em que pediram que fizesse um teste para um papel com a própria bunda, ou quando tentou ser vegana só para ter algo em comum com Ellen DeGeneres.

Lauren escreve também, é claro, sobre “Gilmore girls”. Ela relembra como foi gravar a série original, conta histórias que aconteceram ano a ano, e fala sobre como foi voltar a interpretar Lorelai – uma de suas personagens favoritas. O título ainda traz fotos e trechos de um diário que Lauren manteve durante as gravações da nova temporada da série.

A atriz também é autora de “Quem sabe um dia”, romance best-seller do New York Times, lançado pela Record em 2014.

 

FALANDO O MAIS RÁPIDO QUE POSSO
(Talking as fast as I can)
Autora:LAUREN GRAHAM
Páginas: 256
Preço: R$ 44,90
Tradução: Ananda Alves
Editora: Record