Após um pedido de vista do deputado federal Toninho Wandscheer (Pros-PR), a Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU) adiou a votação do projeto que obriga a utilização de condutores protegidos ou isolados nas redes de distribuição aéreas de média e baixa tensão situadas nas áreas urbanas. O tema foi discutido durante a reunião da CDU da última quarta-feira (17) em Brasília.

O deputado João Paulo Papa (PSDB-SP) leu seu parecer pela rejeição do referido projeto. O assunto, no entanto, divide a opinião do deputado Toninho. “Minha intenção é achar uma forma de não rejeitar a ideia do projeto, por isso quero analisar com mais calma. É preciso mais segurança nas redes de energia elétrica de nosso país”, justificou Wandscheer.