Em jogo muito brigado, Athletico vence Inter e chega ao G6

Screenshot 20230921 232633 KineMaster Diamond jpg-gazeta-do-bairro

Reportagem: Fernando Plantes

O Athletico venceu o Internacional por 2 a 1, na Ligga Arena, pela 24ª rodada do Brasileirão, e voltou ao G6. O jogo foi muito pegado, com muitas faltas e cartões.

O jogo começou complicado para o Athletico, não tanto pela questão do adversário, mas sim por ter problemas com lesões de Madson e Vitor Roque com menos de 10 minutos e tiveram que ser substituídos. Entraram Pablo e Bruno Peres.

Com um time repleto de ótimos reservas, o Internacional foi a campo pensando em se defender desde o ínicio. Com a posse de bola, o Rubro-Negro tinha total controle do jogo, mas pouco chegava com perigo.

Até que, aos 23 minutos, saiu o gol. Após cobrança de escanteio, Fernandinho cabeceou e Erick ficou com a bola, dominou na área e bateu forte, abrindo o placar. Só que o Athletico se acomodou e recuou após o gol, dando espaço para o Colorado atacar e logo empatou, aos 35 minutos, com belo chute de fora da área de Carlos de La Peña.

Depois do empate, o Furacão não teve mais o mesmo ritmo, permitindo que o Inter tivesse mais campo para trabalhar a bola e chegar com mais perigo. Nos minutos finais do primeiro tempo a equipe gaúcha é quem se aproveitou o que parecia ser um nervosismo do time paranaense.

No segundo tempo, o Athletico continuou com dificuldades de retomar as régias do jogo, pouco chegando á área do goleiro Rochet. Já pelo lado do Internacional, o técnico Coudet mudou o time e voltou com alguns titulares para ficar mais ofensivo.

O resultado disso tudo foi um Colorado partindo para cima e ficando perto do segundo gol. Em duas oportunidades Léo Linck salvou, com grandes defesas, inclusive foi um dos melhores em campo. Só depois dos sustos é que o Furacão acordou, mas parando na trave em duas oportunidades, com Thiago Heleno e depois com Canobbio.

Quando tudo parecia que o empate seria o placar final, Alex Santana, que havia entrado no segundo tempo, apareceu na área para aproveitar cruzamento de Canobbio e de cabeça, garantiu a vitória do Athletico.

Com o resultado, o Furacão subiu para a sexta posição, agora com 40 pontos, a apenas 1 do G4, e aumentou a invencibilidade no campeonato para 10 partidas sem perder (cinco vitórias e cinco empates).

O Athletico volta a campo no clássico com o Coritiba no domingo, dia 1º de outubro, às 16h, no Couto Pereira, pela 25ª rodada. O Inter tem compromisso pela semifinal na Libertadores contra o Fluminense, na próxima quarta-feira (27), às 21h30, no Maracanã.

FICHA TÉCNICA

Campeonato Brasileiro – 24ª rodada

Athletico 2×1 Internacional

Local: Ligga Arena/Curitiba
Data: 21/09/2023
Público: 25.967
Renda: R$ 956.430,00

Athletico:
Léo Linck; Madson (Bruno Peres), Cacá, Thiago Heleno e Esquivel; Fernandinho (Alex Santana), Erick, Vitor Bueno e Zapelli (Cuello); Canobbio e Vitor Roque (Pablo).
Técnico: Wesley Carvalho (interino).

Internacional:
Rochet; Bustos, Igor Gomes, Nico Hernández (Mercado) e Dalbert (Renê); Gabriel, Matheus Dias (Wanderson), Carlos de Pena e Bruno Henrique; Lucca (Enner Valencia) e Luiz Adriano (Alan Patrick).
Técnico: Eduardo Coudet.

Gols: Erick aos 23′ do 1ºT, e Alex Santana, aos 46′ do 2ºT (CAP); De Pena, aos 35′ do 1º T (INT).
Cartões amarelos: Thiago Heleno, Vitor Bueno, Pablo (CAP); Bustos, Nico Hernández, Matheus Dias, De Pena (INT).

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (Fifa-RJ).
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa-RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ).
VAR: Daiane Muniz (Fifa-SP).

Compartilhe este artigo

WhatsApp

Sair da versão mobile