Mais de 150 pontos de ônibus em bairros foram recuperados neste semestre. O trabalho feito pela Urbanização de Curitiba S/A (Urbs) atende, principalmente, a demandas dos moradores registradas na Central de Atendimento 156.
Em mais de 100 pontos de ônibus dos tipos chapéu chinês e domus, os serviços se concentraram na limpeza das coberturas, consertos e reparos de danos causados por acidentes, vandalismos, implantação de novas estruturas e relocação.
Todo o trabalho é feito por equipe própria, na oficina da Urbs, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC). Para a limpeza das coberturas, as estruturas precisam ser desmontadas e levadas até a oficina onde o serviço é feito.
Na oficina, os funcionários usam vassoura, água, sabão e pressão de água para a limpeza das coberturas, mas para melhorar a aparência, todas elas ganham uma nova demão de tinta fresca.
O coordenador da Unidade de Manutenção do Transporte Marcelo Ekermann, calcula que o trabalho desenvolvido na oficina consegue reaproveitar mais de 90% da estrutura dos pontos de ônibus, o que garante anos e anos de uso sem necessidade de descarte.
“Como o material é de fibra de vidro e ferro, o índice de reaproveitamento é alto. Apenas quando o ponto é destruído por vandalismo e acidentes que danificam bastante é que descartamos e substituímos por uma estrutura nova”, disse.

156: Nos último semestre, a Urbs atendeu 100% dos pedidos feitos pela Central 156 para limpeza e manutenção de pontos de ônibus das categorias domus e chapéu chinês, Por esse canal entraram 130 pedidos de manutenção no período, 54 para implantação.
Os pedidos, feitos pelo 156 e também por outros canais, são avaliados na Gerência do Transporte e repassados para execução da Unidade de Manutenção.
Curitiba tem cerca de 5 mil pontos de ônibus. Metade é do padrão Clear Channel e a manutenção deste tipo de mobiliário urbano é feita pela empresa. A outra parte é composta pelos tipos domus, chapéu chinês e pontos de desembarque com postes e placas cuja manutenção é feita pela Urbs.
Números de atendimentos da Urbs para pontos de ônibus tipo “domus” e “chapéu chinês”
126 para limpeza da cobertura (acúmulo de sujeira ou pichação);
39 para manutenção Geral (regularização de calçada, troca de cobertura etc);
16 por acidentes;
7 por alteração de itinerário;
19 por implantação de linha;
9 relocações do ponto por obras viárias no trajeto ou mudança de itinerário;
8 para retirada definitiva;
6 por atos de vandalismo com danos irrecuperáveis.