Com apenas seis anos de existência, o primeiro hospital do Brasil com atendimento direcionado para pessoas com mais de 60 anos, o mesmo já se tornou um ponto de referência para a região sul da capital. Nesta segunda-feira dia 2 de abril, recebeu os amigos para lembrar esta data.

Como referência para novos programas voltados ao idoso em Curitiba, o hospital vem ampliando seus atendimentos. No ano passado aumentou em 54% a quantidade de consultas externas com mais de 20 mil. A secretária de Saúde, Marcia Huçulak, destacou a data anunciando: “Estamos organizando, para lançar em breve, a Rede de Atenção ao Idoso, e este hospital vai ser uma referência importante” e complementou “É um orgulho para Curitiba ter esse hospital, que tem resultados positivos graças ao comprometimento da equipe”.

Por sua vez, a diretora executiva do Hiza, Keity Daniela Arias destacou: “Temos muito forte o foco na humanização, que nos permite fazer a diferença no atendimento hospitalar”.

Também presente no evento, o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto, lembrou o exemplo de Curitiba mantendo um hospital especializado ao idoso, e também o fato de que a Secretaria Estadual deve patrocinar reformas da ordem de R$ 500 mil e R$ 300 em equipamentos para o hospital.

O deputado federal Luciano Ducci, os vereadores Maria Letícia Fagundes e Oscalino do Povo, o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Adilson Tremura, o administrador da Regional Pinheirinho, João do Suco; a presidente da Fundação Estatal de Atenção Especializada em Saúde de Curitiba (FEAES), Adriana Moreira Kraft também participaram da comemoração.