No Outubro Rosa, Sistema Fiep alerta sobre a importância de exames preventivos

Todos os anos, milhares de mulheres no mundo são diagnosticadas com câncer de mama. No Brasil, este é o segundo tipo de câncer mais comum no público feminino, ficando atrás somente do câncer de pele não melanoma. Para este ano, o Instituto Nacional de Câncer (INCA) estimou que cerca de 57.700 novos casos de câncer de mama sejam detectados. No entanto, se diagnosticado precocemente, o índice de cura chega a 95%. 

Para conscientizar as mulheres sobre a importância da realização de exames clínicos periódicos, por meio do programa Sesi Cuide-se+, o Sistema Fiep realiza exames preventivos, facilitando o acesso das trabalhadoras a mamografias e outros procedimentos, como o papanicolau. No mês de outubro as ações de conscientização serão intensificadas, com atividades educativas e de prevenção realizadas nas unidades móveis do Sesi Cuide-se+ em parceria com hospitais e empresas do estado. 

De acordo com Fabiana Tozo, coordenadora do Sesi Cuide-se+, durante todo o ano, indústrias, empresas, sindicatos e prefeituras podem contratar as unidades móveis do Sistema Fiep. “As unidades móveis são totalmente equipadas e contam com uma equipe de profissionais qualificados para atender os trabalhadores”, explica. Só no primeiro semestre de 2019, o programa passou por 52 cidades e atendeu mais de 11 mil pessoas de 65 empresas, resultando em 17 mil exames.

Os exames realizados são encaminhados para laboratórios credenciados, que preparam o laudo. Os exames alterados chegam para o paciente com uma cartinha, onde o Sistema Fiep explica e ajuda a pessoa a buscar ajuda médica. “Nós elaboramos uma orientação para que o cidadão saiba qual é o próximo passo”, informa Fabiana.

Cuide da sua saúde

Realizar os exames no tempo certo é uma medida tão importante quanto adotar hábitos saudáveis e cumprir uma rotina de exercícios físicos em busca de uma saúde melhor. No caso das mulheres, o papanicolau pode identificar não só o câncer de colo de útero, como inflamações e doenças sexualmente transmissíveis. O exame deve ser realizado uma vez por ano, assim que a mulher iniciar sua vida sexual. No caso da mamografia, o ideal é que ao completar 40 anos a mulher comece a fazer o exame anualmente. 

SOBRE O SISTEMA FIEP

O Sistema Fiep é composto pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), Serviço Social da Indústria (Sesi), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e Instituto Euvaldo Lodi (IEL). As instituições trabalham integradas em prol do desenvolvimento industrial. Com linhas de atuação complementares, realizam a interlocução com instâncias do poder público, estimulam o fomento de negócios nacionais e internacionais, a competitividade, a inovação, a tecnologia e a adoção de práticas sustentáveis, e oferecem serviços voltados à segurança e saúde dos trabalhadores, à educação básica de crianças, jovens e adultos, à formação e aperfeiçoamento profissional, à formação de nível superior, além de capacitação executiva. Sistema Fiep: nosso i é de indústria.