O governador Beto Richa liberou na terça-feira (19), no Palácio Iguaçu, R$ 28,6 milhões para a compra de equipamentos para Unidades de Saúde da Família de 249 municípios. Cada prefeitura receberá R$ 115 mil para comprar mesas clínicas, aparelhos de consultório odontológico, pinças, autoclaves, além de mobiliário.
“Estamos mais uma vez demonstrando o compromisso com a saúde pública de qualidade e com um atendimento mais ágil e humano”, afirmou o governador. “Nesse período de dificuldade econômica, é muito importante que o Estado apoie as prefeituras paranaenses com recursos para investimentos”, disse ele.

O chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni, afirmou que vai visitar todas as regiões do Paraná, por determinação do governador Beto Richa, para fazer uma prestação de contas das ações do Estado nos munícípios. “Fui deputado por seis mandatos e nunca vi um governador atender tão bem os prefeitos do Paraná, independente da cor partidária”, afirmou Rossoni.

“A Casa Civil hoje é casa do prefeito do Paraná. E os prefeitos têm me dito que se não fossem as medidas do ajuste fiscal que o governador tomou estariam com as finanças em péssimas condições”. Rossoni disse o governador Beto Richa abriu mão da popularidade que tinha em favor de ações que atendessem às necessidades da população paranaense. “A parte dele já foi feita. Por isso nós, todos juntos, temos a obrigação de devolver ao governador a sua popularidade.”

O dinheiro é do programa de qualificação da atenção primária do SUS (ApSUS) da Secretaria de Estado da Saúde. Os recursos são liberados pela modalidade fundo a fundo, sem a necessidade burocrática de convênios.