Organização começa projeto-piloto de reconhecimento facial com 500 mil segurados nesta quinta-feira, dia 20

O INSS anunciou nesta semana que, a partir de quinta-feira, dia 20, 500 mil beneficiários participarão do projeto-piloto de prova de vida por biometria facial. Esse é um procedimento obrigatório para que os segurados comprovem que estão vivos e dá mais segurança não só ao próprio, mas também ao Estado brasileiro evitando fraudes e pagamentos indevidos de benefícios.

A prova de vida será feita por reconhecimento facial com o uso da câmera do celular, por meio do aplicativo do Meu INSS e do aplicativo do Governo Digital (Meu gov.br), que vai indicar se aquela é a pessoa cujo CPF foi informado no cadastro do INSS. Com a tecnologia mais uma vez possibilitando desburocratizar a necessidade de uma comprovação presencial, vem também a oportunidade para que ladrões cibernéticos enxerguem um novo caminho para aplicarem os seus golpes.

“Esse é um projeto ainda em teste e é fundamental que as pessoas fiquem muito atentas se estão acessando o aplicativo correto e que mantenham o seu celular protegido de ataques, já que será necessário o uso da câmera”, indica Marcus Garcia, vice-presidente de produtos da FS Security, empresa líder em tecnologia e soluções digitais com expertise no desenvolvimento de aplicativos de segurança.

“Principalmente agora, no início, poderão surgir muitas mensagens pedindo para clicar em links que podem te direcionar para um aplicativo falso e que seja muito parecido com o verdadeiro. É fundamental que a pessoa faça esses downloads somente da fonte oficial. Se ficar na dúvida quando estiver na loja digital, sugiro que vá no site do INSS e faça todo esse caminho por lá. Pode ser mais demorado, mas será mais seguro”, diz Marcus. “Caso a pessoa tenha dificuldades no processo, é importante que alguém de confiança a auxilie neste acesso”, completa.

“E para proteger seus dados do celular é fundamental que tenha um aplicativo de segurança instalado. Costumo falar que isso é tão importante quanto o antivírus do computador ou a tranca da porta de casa. Protege os dados, evita dor de cabeça no futuro e dá uma tranquilidade a mais”, finaliza Marcus.

Algumas dicas da FS Security para proteção digital:

• Para evitar cair em fraudes, proteja celulares e tablets com soluções eficazes e que defendam principalmente a conexão. O antivírus ajuda, mas é preciso também ativar a VPN;

• Antivírus gratuito pode ser um começo, mas o usuário deve estar ciente de que este sofre menos atualização e não é tão completo quanto um produto pago;

• Cheque se as versões do software e o antivírus estão 100% atualizados tanto no celular quanto no computador;

• Muito cuidado no wi-fi público. Fora de casa, VPN sempre;

• Ative a confirmação em duas etapas do seu aplicativo de conversas;

• Baixe e instale em seus dispositivos, somente aplicativos de lojas autorizadas e oficiais. Foque sempre em fabricantes de confiança;

• Não ‘clicar em link’ ou preencher formulário que receber por e-mail, redes sociais ou aplicativos de mensagens;

• Se, mesmo assim, você clicou em um link e foi para alguma página, repare se tem algum erro de português ou palavras repetidas neste link. Pode ser um site falso;

• Não dissemine mensagens sobre doações, sorteios, compras, realização de exames em casa, entre outros. Principalmente se for para um site que você não conhece. Elas podem conter links maliciosos;

• Desconfie se uma pessoa conhecida enviar mensagens pedindo ajuda financeira ou com links suspeitos. Ela pode ter sido clonada e é o golpista que está do outro lado. Na dúvida, ligue para quem te mandou e confirme a veracidade.

A FS Security possui o HERO, utilizado por mais de um milhão de pessoas. Com ele, é possível navegar protegido de vírus que podem roubar senhas, arquivos e até mesmo ler as conversas. A linha de produtos Hero também oferece uma série de outras funcionalidades importantes para o dia a dia, como ferramenta de controle parental, botão de resfriar o celular, mais velocidade, otimizador de bateria e um serviço de Help Desk digital que dá suporte a dúvidas e instalações de aparelhos eletrônicos.

FS na pandemia

Em um momento de dificuldade para o país, a FS Security e seu sócio fundador Alberto Leite promoveram um esforço no combate ao Covid-19 com ações que, somadas, chegaram aos R﹩7.580.000,00. Com o apoio do apresentador Celso Portiolli a campanha “Juntos Somos Mais” arrecadou 50 toneladas de alimentos para cestas básicas, num total de R﹩190.000,00. Além disso a empresa e Alberto doaram 1.250 cestas básicas para a Fundação Bitury, que apoia famílias carentes do agreste pernambucano, num total de R﹩ 50.000,00. Foram doados ainda R﹩1.400.000,00 em respiradores pulmonares para os estados de São Paulo e Maranhão e 50.000 licenças do software parental Família by Hero, oferecendo aos pais maior tranquilidade em relação ao o que os filhos estão fazendo na internet, no total de R﹩5.940.000,00.

Sobre a FS

Fundada em 2010, a FS desenvolve produtos e serviços de segurança digital, cloud solutions, seguros, assistências, suporte técnico e mobile learning. A empresa é atualmente líder de serviços de valor agregado para operadoras de telecomunicações e varejistas. Está presente em todos os estados brasileiros e já registra a marca de mais de 1 milhão de pessoa que adotaram o Hero como ferramenta de segurança.

A FS já conquistou certificados importantes do segmento, entre eles: Finalista do Prêmio Reclame Aqui (edições 2018 e 2019), XVIII Prêmio ABT (Excelência no Relacionamento com o Cliente) e ABEMD (Associação Brasileira de Marketing de Dados). Recentemente conquistou o prêmio Líderes do Brasil 2019 na categoria Tecnologia.