Os jovens, de um modo geral, desinteressaram-se pela Política, o que contribuiu para tornar mais fácil a ação dos corruptos e oportunistas, na opinião do grande poeta Ferreira Gullar.
Na minha opinião, o que afastou os jovens da vida política da nação foi a liberação galopante da bebida alcoólica. Até parece que isto foi deliberado, em algum lugar deste mundo, por sombras do mal e gente apegada ao dinheiro e poderes estratégicos.
Nunca se bebeu tanto, em tantos lugares e com tanta variedade, na juventude, como nos dias atuais.
O que se vê, Brasil afora, é a turma da melhor idade com garrafa e copos na mão, vem crescendo a tal ponto que sempre acaba nas páginas policiais. Embriagados, dominados, preguiçosos mentais, a juventude caminha para a idade adulta com o cérebro vazio de ideias e de experiências sadias. A bebida alcoólica sepultou, desgraçadamente, nas fileiras da rapaziada, moçada, a belíssima oportunidade de querer, envolver, e participar da vida política da nação.

A BEBIDA ALCOÓLICA FARTA, AMPLA, GERAL E IRRESTRITA É A CAUSA PRIMEIRA DESTA INÉRCIA BRUTAL QUE ASSOLA NOSSOS JOVENS. TODO O BRASIL ESTÁ PERDENDO!
Renzo Sansoni