Minha questão com Antonio Gramsci era e é tão somente a respeito deste movimento revolucionário de mudança de estrutura pelo pensamento da massa em favor dos propósitos que visam ordenar uma substituição do pensamento individual pelo domínio totalitário de um governo, de um partido,  nas áreas culturais, sociais, religiosas. A nação brasileira de hoje sofre um efeito que desconhece, todas as técnicas possíveis de adestramento mental foi e esta sendo implantadas na nação, estas técnicas estão presentes, quando falamos de Movimentos Sociais, Ideologia de Gênero que a propósito nas escolas de Curitiba querem implantar http://www.educacao.curitiba.pr.gov.br/…/consulta-publ…/6472, parece simples apenas adotar a palavra Gênero ao invés de permanecer a palavra sexo na definição das diferenças naturais e se quiser saber mais sobre este assunto.. http://acordaterradesantacruz.com.br/?p=251. Lutas sociais, nas artes, na música-embora esteja sempre foi utilizada como um grito de qualquer causa – livros aos montes sendo produzidos com um conteúdo vasto de pura ideologia socialista e quando não socialista, chega com o objetivo natural de demolição de valores e adesão ao movimento. Preservar os verdadeiros valores históricos de democracia da nação, preservar os princípios como ética, família, educação, trabalho, e respeito a qualquer brasileiro independente de crença de qualquer canto deste Brasil; do vendedor de doce em frente da escola até o empresário bem sucedido se faz necessário. Deixar ser consumido por ideologias que acabem com o valor de cada indivíduo na sociedade é deixar de existir como ser pensante  e responsável pela própria vida, logo, temos valores, temos propriedades intelectuais, físicas e direitos, somos pessoas completas e complexas, precisamos sempre nos ajudar, seja na consciência ou na política.