Agentes de segurança reunidos hoje dia 6 de fevereiro com o secretário de Estado da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, Artagão Júnior, estiveram em Curitiba para discutir questões relacionadas ao trabalho dos mesmos nas unidades e também suas escalas.

O principal tema foi referente a um estudo técnico que vem sendo elaborado visando encontrar meios para uma mudança da escala dos agentes de segurança. O Secretário explicou: “Estamos em diálogo com os agentes e profissionais da socioeducação. Abriremos um protocolo com o pedido da mudança para que o processo seja encaminhado e tramitado junto às secretarias da Administração e da Fazenda, responsáveis pelo andamento do pedido”.

Lembrando que a Secretaria concorda com as mudanças nas escalas para encontrar uma nova proposta comum para o trabalho dos profissionais no atendimento com adolescentes que cumprem medidas socioeducativas nas unidades.

A escala atual é de 12 por 36. A proposta é para mudar para 24 horas de trabalho por 48 de descanso, alternada com 12 horas de trabalho, por 60 de descanso e mais uma compensação de 24 horas mensais, para adequação de 40 horas semanais de trabalho.

Na reunião também a presença do coordenador-geral da Secretaria, Elias Thomé; o diretor-geral da Seju, Hatsuo Fukuda; e o diretor do Departamento de Atendimento Socioeducativo (Dease), Alex Sandro Silva.