Após concretizar o negócio que pensava ser apenas uma forma de subsistência para sua família – a compra do pequeno supermercado localizado no bairro Pinheirinho –, Joanir Zonta deparou-se com grandes desafios, mas com determinação e coragem foi superando cada obstáculo e iniciou sua caminhada rumo ao sucesso.

O passo seguinte era decidir o nome da empresa. O jovem empresário foi apresentado, então, a uma lista com centenas de nomes, da qual seu contador pediu que selecionasse os dez que considerasse mais interessantes. Desta forma, não correria o risco de eleger algum nome já utilizado por outra empresa. Realizada a consulta, descobriu-se que os seis primeiros já tinham registro, somente o sétimo estava liberado para uso. O nome era “Condor” e, assim, a empresa foi constituída com essa denominação.

Habitualmente, imaginamos que nomes de empresas são escolhidos por algum motivo consciente, como uma homenagem, referências a experiências pessoais, combinação de nomes próprios ou suas iniciais, numerologia, signo ou por alguma outra forma extraordinária. Entretanto, a origem do nome Condor não envolve nenhuma mística ou fato mirabolante. Joanir Zonta vem comprovar que o sucesso não ocorre por obra do destino ou mero acaso, mas é conquistado com muito trabalho, persistência e dedicação.

O Condor é uma rede 100% paranaense. Hoje, é apontada como uma das maiores redes do Brasil e a maior do Paraná no segmento de supermercados.